É Melhor Ser Alegre que Ser Triste

Tributo a Viní­cius de Moraes

É Melhor Ser Alegre que Ser Triste
É melhor ser alegre que ser triste... Mas sem um bocado de tristeza não se faz uma obra tão espetacular com o a que nos deixou Vinicius de Moraes, o Poetinha. Poetinha, não! Um baita poeta, dono de vários dos mais belos versos da língua portuguesa.
E é para homenageá-lo que concebemos este espetáculo. Essas semanas de mergulho na obra e na vida de Vinicius de Moraes me revelaram um homem fascinante. Uma figura humana que foi ainda maior que sua obra. Um homem que viveu como quis e sorveu a vida até a última gota. Apaixonado pelas mulheres e pelos amigos.
Paixão que transformou vários desses amigos em parceiros, da vida e da música. E que parceiros geniais teve o Poetinha! Alguns estão no roteiro deste espetáculo – escrito por mim em parceria com a talentosa jornalista Ciça Corrêa –, como Tom Jobim, Baden Powel, Adoniran Barbosa, Carlos Lyra e Toquinho. Outros, igualmente importantes, ficaram de fora. Um bom motivo para um É Melhor Ser Alegre que Ser Triste 2, quem sabe?!
Para dar voz á essa música que é também poesia, convidamos Célia e Jane Duboc. Duas intérpretes seguras que sabem a importância que as palavras têm nas canções de Vinicius de Moraes e seus parceiros. Duas grandes cantoras e quatro excelentes músicos, capitaneados pelo diretor musical Ogair Junior e seus sofisticados arranjos, já fariam deste um espetáculo especial.
Mas tudo ganha ainda mais charme quando temos o privilégio de ter no palco Luiz Carlos Miele, talvez o único showman brasileiro, dividindo conosco histórias que testemunhou ou partilhou com Vinicius de Moraes. E se tem Miele, a festa está garantida! Certamente um presente para você também, que está na plateia.
Obrigado Miele por seu bom humor, talento e disponibilidade. Obrigado CĂ©lia e Jane Duboc por partilharem tĂŁo generosamente conosco seu imenso talento! Obrigado Ogair Junior, Giba Favery, Rui Barossi e VinĂ­cius Gomes: o que vocĂŞs fazem Ă© MĂšSICA!
E obrigado Vinicius de Moraes por transformar, como ninguém, tristeza em imensa alegria. SEMPRE TE AMAREMOS.
Fernando Cardoso

“É bom saber que a gente não foi esquecido, que o povo continua cantando as nossas coisas, pois no fundo é pra ele que a gente compõe.”

(trecho de carta escrita por Vinicius de Moraes para Tom Jobim)
É Melhor Ser Alegre que Ser Triste
É Melhor Ser Alegre que Ser Triste
É Melhor Ser Alegre que Ser Triste