Exagerado

Um tributo a Cazuza

O repertório de “Exagerado – Tributo a Cazuza” é composto de grandes sucessos como “Bete Balanço”, “Ideologia”, “O tempo não para”, “Codinome Beija-Flor”, “Exagerado”, entre outros clássicos que marcaram uma geração. No palco ele interpreta as duas principais fases de Cazuza: quando ele era vocalista do Barão Vermelho, e também o estouro de sua carreira solo. Valério descobriu sua vontade de homenagear o artista durante um karaoke, onde recebeu um convite para compor o grupo cover.
A semelhança física e vocal fez o cantor participar de inúmeros programas em rede nacional, na Rede Globo: “Domingão do Faustão, Mais Você”, já no SBT participou do “Programa do Silvio Santos, Máquina da Fama e Raul Gil, Programa do Ratinho”. Em 2013 desfilou no carro abre-alas da Mocidade Independente de Padre Miguel que homenageava o Rock In Rio e o show histórico feito por Cazuza no evento. Dez anos após o início de sua carreira, Valério Araújo conquistou o título de melhor cover do Cazuza no Brasil.
Este ano completa 26 anos da morte de Cazuza, em decorrência de um enfraquecimento causado pelo vírus da Aids. O artista deixou um legado de 126 canções gravadas.
É com grande prazer que convidamos você para relembrar, se emocionar, dançar e curtir “Exagerado – Tributo a Cazuza”.
Exagerado
Exagerado